Baile de Máscaras® - em 03 de outubro de 2005


Máscaras, caras
Das mais diferentes
Você pode encontrar
No baile da vida.
Um verdadeiro baile de máscaras.

Angústia, inveja, doença.
Mentira, orgulho, falsa alegria.
E todo mundo se diverte,
Se engana!
Acha que isso é a vida.
Qual máscara você vestiu?
Como se sentiu?

Os prazeres desse baile
Morrem no encontro com a dor.
A dor de saber que não se vive a verdade,
Que é tudo vaidade!

Os prazeres dessa ilusão
Desaparecem no encontro com a Luz.
Luz que te faz saber
Onde encontrar teu coração!

Você sabe onde acaba esta festa?
Em morte, na certa!
Então limpe esta cara,
Solte essa máscara
E vem para a Luz!
Vem pra Jesus!

Ele te garante a vida
Longe da enganação.
Oferece o Seu cuidado,
Limpa o seu coração.

Dilema® - em 21 de setembro de 2005




Quando você pára pra ver
Quanta coisa já passou,
Quanta coisa já viveu
Não tem respostas pra saber
Como aqui você chegou.
Mas, insistente, pergunta ao céu:
“– Até aqui, quem cuidou de mim?”

Quando se olha para trás
Passos incertos parecem ser mais numerosos.
Mas, quando o céu responde ao seu dilema,
Tudo se refaz.
O ato mais importante da sua vida se cumpriu.
Um dia seu coração abriu
Para Deus fazer morada,
Te dar vida abençoada
E mostrar que...

Quando você pára pra ver
Quanta coisa já passou,
Quanta coisa já viveu
Tua vida até aqui dependeu
De Jesus que te salvou.
Que novo rumo deu.

Desafios® - em 04 de setembro de 2005




Tomar sua cruz,
Seguir a Jesus
É o desafio.
É o seu destino.

Assumir sua espada,
A Santa Palavra,
Para poder crescer.
Para poder vencer.

Refrão:
Se você é diferente,
Mostre ao mundo
Cristo agente
Da sua vida.

Trilhar novo rumo,
Levar Luz ao mundo
É o desafio.
É o seu destino.

Viver a Verdade
Esquecendo a vaidade
Para poder crescer.
Para poder vencer.

Para os Céus alcançar,
A si mesmo negar
É o desafio.
É o seu destino.