Um ano não® - em 12 de Junho de 2007


O meu amor um ano não levou
Por tão bela flor desabrochar.
É presente que Deus plantou
Com esmero para eu cuidar.

O meu amor um ano não levou
Por doce estrela se encantar.
Tão sutil em minha vida deitou.
Aprouve a mim poemas mil dedicar.

O meu amor um ano não levou
Por ti, princesa, se entregar.
O sustento de meu coração derrubou.
Passaste tu a lhe alimentar.

O meu amor um ano não levou
Por lindos céus sonhar.
Em asas que Deus deu, voou.
Por outros tantos se aninhar.

O meu amor um ano não levou
Para tal menina amar.
Aos meus olhos Carol desafiou.
Agora e sempre estarão a te guardar.

O meu amor um ano não levou
Para ‘seu’ se chamar.
Cresce como o dia que passou
Para mais e mais se achar.

2 comentários:

Monique disse...

Oi Hagen! Lindo o seu blog! Muito bom saber que através das suas poesias é possível perceber o quão lindo é esse dom de escrever! =)

Que Deus continue te abençoando!

Obrigada pela visita no meu blog e pelo comentário!

Ah, achei muito bonita a estrutura que vc criou... como fez isso? Colocou imagem de fundo né?! fantástico!

Fica com o Pai!

bjo

Carol Rattacaso disse...

LIIIIINNDOOOO,
EU TE AMO MUITO!!!!!
vc é maravilhoso!!
Beijos